Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Pipinha Blog

Sex | 23.03.18

Iandê Albuquerque - Adoro o que escreve

62fc75e4307941f3c7b08ba478bad8f9.jpg

Hoje partilho no blog um escritor brasileiro que gosto imenso, gosto imenso do que escreve.

Acabo sempre por me identificar com algo que é escrito.

Sigo o seu trabalho no instagram e no facebook.

Nos últimos dias partilhou este texto no instagram, e talvez o que mais me identifiquei até hoje.

 

 

"outro dia, em meio a uma festa com amigos esbarrei com um ex.
o ex que me traiu logo após ter me pedido em namoro.
um namoro que durou, acho que uns 11 dias, 
talvez até menos.
o ex que me chamou de louco quando descobri a traição
e mandei ele se foder, 
o ex que escondeu a traição pros amigos
e contou pra eles que tinha acabado porque, simplesmente, não estava mais a fim.
o ex que olhou nos meus olhos 
me convenceu de que havia amor quando na verdade, 
não passava de carência.
o ex que poderia ter escolhido permanecer solteiro
e ficar com quem tivesse vontade,
mas preferiu entrar em uma relação
e ter o prazer de trair. 
lembro que quando descobri tudo, 
só consegui enviar uma mensagem dizendo: foda-se!
depois disso não nos falamos mais.
agora, depois de quase 4 anos
ele reaparece no mesmo lugar que eu,
me encara, 
percebe o quanto estou bem, 
toma coragem de se aproximar
e soltar um: oi, tudo bem? 
na hora, quando percebi que era ele
senti um leve impulso que me tirou um sorriso largo,
enquanto eu respondia: tudo maravilhosamente bem!
peguei meu copo de cerveja, 
tomei, 
e segui o meu caminho.
pra mim, era como um desconhecido que eu não tinha o mínimo interesse em conhecer ou conversar. 
moral da história:
que sensação foda quando você olha pra aquela pessoa que te machucou e não consegue sentir nada, 
nem raiva, nem rancor. 
é um tipo de indiferença. 
você não sente mais amor, 
aquilo não te fere mais. 
aquilo não te tira do sério, 
não te causa absolutamente nada.
você olha pra quem um dia foi a tua dor, 
e até abre aquele sorriso no rosto por perceber o quão foda é você e entender quem foi que perdeu nessa história toda.
a vida segue.
e segue lindamente."

 

-Iandê Albuquerque 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.